Receitas do NH Hotel Group sobem 7% no semestre

O NH Hotel Group apresentou os resultados do primeiro semestre de 2017, onde se destaca o aumento de 7% nas receitas hoteleiras para 764,2 milhões de euros e de 10,7% no RevPAR, apoiados num crescimento de 4,3% da procura.

No primeiro semestre deste ano, o grupo registou uma tendência de crescimento em todos os mercados onde opera, destacando-se no entanto o Benelux (+14,7%) e a Espanha (+ 12,5%), cujos resultados impulsionaram a receita da primeira metade de 2017. No cômputo geral, verifica-se que as receitas hoteleiras do grupo aumentaram 6,9% face a igual período do ano passado, atingindo agora os 764,2 milhões de euros. Já o RevPAR apresentou uma variação homóloga positiva de 10,7%, “moldado pelo crescimento no ADR de 6,1% para 96€ e crescimento da demanda de 4,3%”, avança a empresa em comunicado.

Ainda de acordo com os indicadores difundidos pelo grupo NH, “as melhorias de eficiência permitiram um alto índice de conversão de EBITDA de 61%, deixando o EBITDA em 103,1 milhões de euros, 41% acima do primeiro semestre de 2016, melhorando a margem em três pontos percentuais”. Face a este indicador, o lucro líquido da empresa melhorou em 14,1 milhões de euros, situando-se agora nos 8,7 milhões “resultado positivo pela primeira vez num primeiro semestre desde 2008”, sublinha o comunicado.

Alfredo Fernández Agras, presidente do Conselho de Administração do NH Hotel Group, acredita que os bons resultados são fruto da coordenação entre a equipa e o conselho de administração: “Temos um Comité Executivo de primeira linha, com foco em gerir o negócio de forma eficiente, e uma direcção multidisciplinar, a maioria dos quais são independentes, que supervisiona a execução da estratégia de negócios definida e analisa a governação corporativa. O alinhamento dos interesses comerciais e das melhores práticas promoveu a criação de valor para os nossos accionistas e o crescimento sustentado dos lucros nos últimos 12 meses”.