Região de Lisboa celebra Monumentos e Sítios

O “Dia Internacional dos Monumentos e Sítios” será celebrado pela Região de Lisboa com várias iniciativas. As comemorações começam hoje, véspera da data oficial.
O “tiro de partida” começa no Município de Odivelas, com um percurso pedestre pelo centro histórico da Póvoa de Santo Adrião.
Mas a 1Restauração de Abril outras acções ganham tamanho, como a abertura ao público das grutas do Poço Velho, situadas no centro de Cascais, entre outras acções neste Município, iniciativas para toda a família em Oeiras, na Fábrica da Pólvora de Barcarena, vários monumentos em Sintra organizam actividades, uma Recriação Histórica na Necrópole de Carenque, na Amadora, ou a inauguração da exposição “Nadir Afonso. Anos Produtos e Serviços0”, em Mafra.
A sul do Tejo, a região de Lisboa comemora ainda os Monumentos e Sítios com uma rota de BTT pelo património de Sesimbra, ou a visita temática “D. Manuel I e o Manuelino, um percurso por Alcochete”, centrada neste rei português e nos vários vestígios que existem na vila.
Já Palmela promove uma visita ao Castelo, que consiste num percurso histórico pela iluminação do equipamento e iluminação pública da vila, e a Casa Museu José Maria da Fonseca, em Setúbal, recebe visitas guiadas em português e prova de vinhos, a partir das 15h00.
No Barreiro, os visitantes podem ficar a conhecer o Centro de Interpretação do Campo Arqueológico da Mata da Machada e o Município da Moita organiza o colóquio “Ceuta, o início da expansão”, que assinala os 600 anos da passagem do rei D. João I por Alhos Vedros.
Por fim, Vila Franca de Xira convida os visitantes a participar em vistas guiadas pelo Museu do Neorrealismo, o Museu Municipal e a Rota Histórica das Linhas de Torres.
S.C.F.