Roma: Taxa turística vai abranger Airbnb e HomeAway

O município de Roma vai começar a cobrar a taxa turística também aos turistas que optem pelos alojamentos das plataformas Airbnb ou HomeAway. A taxa vai ter o valor de 3,5€ por noite e o município espera arrecadar 20 milhões de euros por ano.

Até agora, quem escolhesse ficar alojado em Roma numa unidade da Airbnb ou da HomeAway estava isento de pagar taxa turística, situação que vai alterar-se em breve, já que a capital romana vai introduzir uma emenda ao regulamento das taxas turísticas, para que este tipo de turistas pague o imposto, à imagem do que acontece com todos aqueles que ficam alojados num hotel.

Segundo anunciou já o Turismo de Roma, os turistas que se alojem em estabelecimentos da Airbnb ou HomeAway vão começar a pagar 3,5€ por pessoa / noite, uma verba que terá que ser cobrada pelas próprias plataformas de reservas que têm que as entregar depois ao município. A imprensa italiana avança que o município de Roma prevê arrecadar 20 milhões de euros por ano com esta alteração.

A taxa turística é cobrada em quase todas as cidades italianas, em Roma foi introduzida há cerca de sete anos e tem custos variáveis de acordo com a categoria do alojamento, podendo ir dos 3€ aos 7€ por pessoa/noite.

Segundo o município de Roma, este imposto destina-se a financiar as intervenções no turismo, incluindo as que apoiam o alojamento, manutenção, uso e recuperação de activos culturais e ambientais, bem como serviços públicos locais.