Ryanair adia a implementação da nova política de bagagens

A low cost anunciou esta terça-feira que a implementação da sua nova política de bagagem de cabine vai ser adiada até 15 de Janeiro.

A companhia justifica o adiamento com a necessidade de dar mais tempo aos seus clientes para se adaptarem às novas medidas. Recorde-se que a nova política de bagagem da Ryanair inclui reduções no preço da bagagem de porão (de €35 para €25) de modo a encorajar mais clientes a despachar bagagem, reduzindo o número de malas na cabine, medida esta que foi implementada a 6 de Setembro. Também em vigor está o aumento de peso, de 15Kg para 20Kg, permitido em cada bagagem de porão.

A partir de 15 de Janeiro de 2018 apenas aos passageiros com Embarque Prioritário (incluindo Plus, Flexi Plus e Família Plus) será permitido o transporte de 2 peças de bagagem de mão dentro da cabine. Os restantes passageiros apenas poderão levar uma peça de bagagem pequena na cabine, sendo a 2ª mala (maior) colocada no porão durante o embarque (gratuitamente).