São João da Madeira: turismo industrial com novas empresas

Três novas empresas vão integrar o roteiro de Turismo Industrial de São João da Madeira, a partir desta quinta-feira. O projecto para preservar o legado arqueológico industrial da cidade inova e diversifica para o sector dos colchões e a indústria das etiquetas.

O projecto de promoção das indústrias tradicionais e das novas indústrias criativas e tecnológicas, nascido em 2012, integrava até ao momento os sectores do calçado, lápis, têxtil e das artes gráficas. Bulhosas, Molaflex e Flexitex são as empresas que passam a integrar os circuitos do património industrial da cidade, espelhando a alma industrial de São João da Madeira.

A empresa Bulhosas nasceu em 1935 e dedica-se à produção de etiquetas. Na sala museu do edifício é possível conhecer a sua história, onde estão máquinas e catálogos de etiquetas que atravessam gerações. A Molaflex, criada em 1951, abre as suas portas para mostrar como funciona uma das mais importantes empresas no sector da colchoaria e, ainda neste sector, a Flexitex, fundada em 1964, dedica-se ao fabrico de tecidos para colchões.

A apresentação da integração das três empresas no circuito do Turismo Industrial de São João da Madeira inicia esta quinta-feira, às 15h00 na Torre da Oliva. Pelas 15h45 segue-se visita-guiada às instalações da Bulhosas e no dia seguinte à Flexitex, pelas 14h45, e à Molaflex, pelas 15h30.