SATA Internacional acumulou prejuízo de 20,6 M€ no 3º trimestre de 2017

Dados do Governo Regional dos Açores enviados à Assembleia Legislativa da Região indicam que a SATA Internacional – Azores Airlines fechou o terceiro trimestre de 2017 com um prejuízo de 20,6 milhões de euros, estando ainda por fechar as contas finais do ano.

A este indicador, ao que a agência Lusa teve acesso, junta-se ainda um resultado líquido negativo de 4,54 milhões de euros da Sata Air Açores, responsável pelas ligações aéreas dentro do arquipélago.

Refira-se que o executivo açoriano tem neste momento em curso o processo para alienar até 49% da Azores Airlines, tendo já sido nomeada uma comissão especial que vai acompanhar a alienação parcial da participação social indirecta que a região detém na companhia aérea. A comissão é presidida pelo advogado Luís Paulo Elias Pereira e integra ainda o economista António Gabriel Fraga Martins Maio e o professor universitário da área da gestão de empresas João Carlos Aguiar Teixeira.

No início do mês, Vasco Cordeiro tinha indicado que o processo público de alienação de 49% da Azores Airlines arrancaria ainda em Fevereiro, na procura de um “parceiro estratégico” que garanta “robustez” à transportadora aérea.