Secretário-geral da OMT em Portugal para conhecer a estratégia do “Melhor Destino do Mundo”

Portugal é o primeiro país a receber, em visita oficial, o novo secretário-geral da Organização Mundial do Turismo. A visita prolonga-se por dois dias e esta segunda-feira Zurab Pololikashvili esteve na Escola de Hotelaria e Turismo de Lisboa onde, acompanhado pela secretária de Estado do Turismo e pelo presidente do Turismo de Portugal, conheceu o projecto formativo do TP – Tourism Training Talent e algumas linhas mestras em que assenta a promoção do país que é “O Melhor Destino do Mundo” e “um exemplo a seguir”.

  

A escolha de Portugal para esta primeira visita oficial deveu-se à conjugação de vários factores, como Zurab Pololikashvili justificou em declarações à imprensa à margem do evento. Desde logo, deveu-se ao facto de o projecto formativo Tourism Training Talent, “ter vencido o prémio organizado pela OMT na categoria Inovação e Políticas Públicas”, entregue na semana passada em Madrid. Outra das razões prende-se com o facto de “Portugal ser um dos mais importantes e activos membros do Conselho Executivo”. Mas o responsável veio também para conhecer de perto a estratégia que faz do “Melhor Destino do Mundo” um case study internacional na área do turismo, algo que acredita ter sido “o resultado de muito trabalho”, como deixou claro na intervenção que fez na EHT de Lisboa.

Da visita a Portugal, que continuará esta terça-feira no Alentejo e integrará uma audiência com o Presidente da República, o secretário-geral da OMT espera “dois dias de trabalho intenso de que resultarão projectos concretos” a desenvolver em parceria, dado os pontos estratégicos que unem a governança do turismo português e a OMT. É o caso da sustentabilidade, preocupação central da OMT partilhada por Portugal, país que o responsável considera “um exemplo a seguir”, nomeadamente, ao nível da “educação, que é muito boa”, da aposta na inovação e no ecoturismo em que há”projectos muito interessantes” e também “pela qualidade do serviço”

Porque “o governo português está a trabalhar muito bem” e tem um “plano muito interessante e atractivo” para dar a conhecer o país, Zurab Pololikashvili perspectiva que o turismo “continue a crescer em Portugal” e avançou que “o trabalho que está a ser feito no sentido de Portugal ter serviços ainda melhores no turismo, faz-me estar certo de que Portugal vai conseguir novos recordes este ano”.

Também esta segunda-feira, o secretário-geral da OMT foi recebido pelo primeiro-ministro, António Costa. Uma “visita de cortesia” em que o responsável da OMT se inteirou da estratégia do governo para o país no que toca ao turismo. “É um prazer estar com um líder que dá um apoio total ao sector do turismo”, sublinhou, acrescentando que esse apoio “é muito importante para o crescimento do turismo em Portugal”.

Na sessão que teve lugar na EHT de Lisboa, o presidente do Turismo de Portugal, Luís Araújo, apresentou ao secretário-geral da OMT o projecto Tourism Training Talent, premiado por aquela instituição do turismo mundial e falou de algumas traves mestras em que assenta a promoção turística. O programa envolveu ainda uma apresentação de cinco startups portuguesas vocacionadas para a actividade turística.

O evento foi encerrado pela secretária de Estado do Turismo que sublinhou o contributo do turismo para o crescimento económico do país e deixou claro que Portugal está preparado para os desafios que a Organização Mundial de Turismo lhe queira lançar. “Por favor, use-nos. Use-nos como um exemplo, use-nos como um teste dos novos desafios que nós estaremos sempre disponíveis para desenvolver com a OMT projectos simbólicos e estratégicos”, avançou Ana Mendes Godinho.

*Leia a reportagem completa na próxima edição da Turisver