Sonhando suspende operação para Varadero até final do Verão

Em comunicado emitido esta quarta-feira, a Sonhando explica que a decisão foi tomada “em conjunto com os outros operadores que operam o destino Cuba” em vos charter à partida de Portugal. Recorde-se que, devido ao furacão Irma, tinha sido já suspensa a operação para Cayo Coco.

“Em conjunto com os outros operadores que operam o destino Cuba em voos directos especiais a partir de Portugal, a Sonhando decidiu suspender as viagens previstas para Varadero até ao fim deste verão”, informa o operador no comunicado.

A Sonhando avança que “as centenas de passageiros que estavam inscritos vão ser reembolsados na íntegra das verbas já entregues”, sendo-lhes também “sugeridos outros destinos para as férias deste ano”.

Convidando desde já os passageiros a visitarem Cuba na operação de 2018 para Varadero e Cayo Coco, a Sonhando aproveita para informar que “os 272 passageiros e 11 tripulantes da euroAtlantic airways, que originalmente estavam em Cayo Coco, já estão em Portugal, provenientes de Varadero”.