Star Alliance quer unir os serviços digitais dos seus membros

A Star Alliance lançou, esta quinta-ferira, a DSP – Digital Services Platform, como um primeiro passo para o aprimoramento dos serviços digitais e móveis oferecidos aos clientes das 28 companhias aéreas membro da rede Star Alliance.

A plataforma foi desenvolvida e implementada como parte da estratégia da Star Alliance que visa o melhorar da viagem do consumidor. A DSP reúne informações fornecidas por uma companhia aérea individual ou fonte terceira e torna-a acessível a todos os membros, permitindo que a disponibilizem nas suas próprias aplicações digitais.

A longo prazo, a DSP permite que os clientes que utilizam o site ou aplicação de uma qualquer companhia aérea membro tenham acesso a toda a informação que necessitam para viajar em diferentes companhias da rede Star Alliance. Jeffrey Goh, CEO da Star Alliance, atesta que “estamos a trabalhar para criar recursos centrais que possam ser partilhados para uso de membros individuais”.

Uma vez que um serviço esteja disponível na DSP, a companhia aérea tem liberdade para decidir individualmente quando este se torna acessível ao consumidor. Por exemplo, desde dia 2 de Fevereiro que a United Airlines permite que os seus clientes tenham acesso à escolha de lugares a bordo de voos da Singapore Airlines reservados através do site ou app da United.

A Lufthansa utiliza a tecnologia DSP de modo a oferecer o tracking de bagagem para clientes em viagens que incluam voos em outras companhias aéreas da Star Alliance. A informação é disponibilizada pela Star Alliance Baggage Hub, que levanta informação relevante de diversas fontes e torna-a acessível aos serviços de bagagem de todas as companhias membro no itinerário de um passageiro.

Alguns melhoramentos tecnológicos foram já implementados, como o crédito de milhas de voo mais rápido após um voo, bem como o permitir que o cliente reclame milhas em falta de uma companhia aérea da Star Alliance online, através do respectivo programa de fidelização. Até ao final do ano, todos os sites de passageiro frequente de uma qualquer transportadora da rede vão permitir que o cliente consulte a disponibilidade de voos e reserva de lugares em qualquer uma das 28 companhias aéreas membro da Star Alliance.