Subida da taxa de ocupação em Portugal supera média da hotelaria europeia

Com um aumento de 5,7% e registando uma média de 66,7%, o crescimento da taxa de ocupação hoteleira em Portugal em 2015 superou a média europeia que foi de uma subida de 2,3%, segundo dados anuais da STR Global.

A ocupação hoteleira na Europa cresceu 2,3% em 2015, alcançando uma média de 70.1%, o RevPar subiu 7,1%, ficando-se nos 78,68 euros e a ADR cresceu 4,6%, chegando aos 112,16 euros.

Os hotéis da Alemanha registaram incrementos nos três principais indicadores: 2,2% em ocupação, cifrando-se em 69,9%, 4,3% no ADR (99,46 euros) e 6,5% no RevPar (69,52 euros). A procura na Alemanha subiu 2,8%, enquanto o parque hoteleiros cresceu 0,6%.

Segundo a STR Global, outro país com “excelentes resultados” foi Portugal, onde o ADR subiu 9,9%, ficando-se nos 89,63 euros e o RevPar cresceu 16,2% para 59,57 euros. O mês de Dezembro foi especialmente positivo para o nosso país, com um aumento do RevPar em 28,2%. No conjunto do ano a procura de Portugal subiu 6,2%, enquanto o parque hoteleiro aumentou 0,4%.

Segundo analistas da STR Global, a procura por Portugal foi conduzida sobretudo por clientes de lazer e por regiões fora dos grandes centros como Porto e Lisboa.

Outro país que a STR Global destaca é a Hungria com uma subida de ocupação em 5,6% para 71,5%, um aumento do ADR em 9,1% e do RevPar em 15,3%. A procura aumentou 5,5% e a oferta hoteleira praticamente não cresceu no ano anterior.