Surf atrai novos investimentos no concelho de Peniche

A procura do surf em Peniche é responsável pelo investimento de 13,5 milhões de euros que está a ser realizado em projectos turísticos no concelho.

Em declarações à Lusa, o presidente da Câmara de Peniche, António José Correia, estima em mais de 25 milhões de euros os investimentos ligados ao surf que surgiram nos últimos quatro anos no concelho, desde hotéis, lojas de desportos de ondas e alojamentos para surfistas, um dos quais foi inaugurado há cerca de três anos na praia do Baleal por suecos, que investiram cinco milhões de euros.

No que diz a novos projectos, refira-se que o MH Group, que em 2015 investiu 10 milhões de euros num novo hotel de quatro estrelas à entrada de Peniche, o MH Peniche, prepara-se para investir, nos próximos dois anos, outros 10 milhões de euros na remodelação de duas unidades hoteleiras na praia da Consolação.

Por outro lado, o Hotel Atlântico Golfe está encerrado desde há um mês para entrar, dentro de dias, em obras de remodelação e ampliação, que deverão estar concluídas em Agosto e que rondam os cinco milhões de euros.

Em 2018, o grupo vai investir quatro a cinco milhões de euros em obras no Hotel Dona Ritta Park, um hotel de três estrelas com 20 anos.

Junto à praia do Baleal, está em construção o chamado “Eco Surf Resort”, um investimento de dois milhões de euros de duas italianas. O projecto, de quatro estrelas, contempla ainda uma área de restauração, um parque para skates, uma piscina, um espaço para actividades de saúde e bem-estar e vai ter uma capacidade de alojamento para 80 turistas. Tem inauguração prevista para Maio.

Na praia da Almagreira, está a ser erguido um parque de campismo virado para o turismo de natureza e desportivo. O investimento português é de 1,5 milhões de euros, tem capacidade para 225 turistas em tendas, ‘bungalows’ e caravanas, e deve ser inaugurado em Julho.