Taleb Rifai: “O crescimento do turismo é o melhor aliado da sustentabilidade”

O secretário-geral da OMT afirmou, em Lisboa, que “o turismo, os números e o crescimento são os melhores aliados da sustentabilidade. Precisamos de crescer sustentavelmente”, disse.

Taleb Rifai participou esta terça-feira, na assinatura do memorando de adesão de Portugal ao Ano Internacional do Turismo Sustentável para o Desenvolvimento, que se assinala em 2017, juntamente com a secretária de Estado do Turismo, Ana Mendes Godinho, uma iniciativa para promover programas turísticos sustentáveis a nível “económico, social, e ambiental”.

O dirigente máximo da OMT referiu que “mais pessoas significam mais rendimentos e mais rendimentos significam melhor capacidade para tornar este mundo um lugar melhor”, para acrescentar que “o desafio é como gerirmos essas multidões e esses números”.

Rifai realçou que a principal mensagem deste ano é que o “Turismo é uma força para o bem” e que precisa de ser usada correctamente, porque as viagens e o turismo devem “tornar o mundo num sítio melhor e contribuir para melhores empregos, mais rendimentos e para a paz”.

Referindo a Portugal, o secretário-geral da Organização Mundial do Turismo defendeu que o país não está a beneficiar da insegurança que se vive noutros países, mas sim, a afirmar-se pela sua qualidade e que pode ser um líder em questões da inovação. “Os problemas (de insegurança) que estão a acontecer em destinos mediterrânicos como a Tunísia, Egipto, Turquia, e até em destinos do Sul da Europa, não estão a contribuir para o crescimento do turismo em Portugal. Eu posso dar uma prova disso. No total, o Egipto, a Tunísia e a Turquia perderam 4 milhões de turistas internacionais. Os ganhos de Espanha e Portugal são de mais de 6 milhões de turistas. Por isso, não é justo atribuir o crescimento do turismo apenas ao azar de outros. Vocês estão bem porque são bons, não porque outros estejam menos bem”, disse Taleb Rifai.

De entre os projectos do Governo que serão certificados pela OMT, estão o programa Revive e o Portuguese Trails.

Na cerimónia de assinatura marcou ainda presença o CEO da WTTC – Conselho Mundial de Viagens e Turismo, David Scowsill, que acompanha a visita oficial do secretário-geral da OMT a Portugal.

A deslocação de Rifai a Lisboa incluiu uma participação num seminário dedicado ao empreendedorismo e inovação no Turismo, bem como encontros com o Presidente da República, o Primeiro-Ministro, e os ministros da Economia e dos Negócios Estrangeiros.