“Tourism Innovation Journeys” para valorizar Turismo no Douro

Iniciativa dos Departamentos de Turismo da Universidade Lusófona e do Instituto Superior de Novas Profissões o projecto “Tourism Innovation Journeys”, que se iniciou com uma conferência, vai desenvolver-se ao longo do ano lectivo.

Na sua primeira edição, o projecto visa a divulgação de boas práticas ao nível da gestão de destinos e recursos turísticos na região do Rio Douro, bem como a geração de ideias criativas e inovadoras que possam maximizar a sua atractividade turística.

Mafalda Patuleia, directora do Departamento de Turismo da Universidade Lusófona, explica que “foi proposta aos estudantes da área de estudos de Turismo e Lazer a formação de equipas de trabalho que deverão propor ideias de produtos turísticos que valorizem a atractividade de cinco marcas-destino da região, nomeadamente a Rota do Românico, Douro Generation, Aldeias Vinhateiras do Douro, Fundação Côa Parque e Parque Natural do Douro Internacional”.

O primeiro momento do projecto residiu na realização de uma conferência em que participaram os responsáveis de cada uma das cinco marcas-destino da região do Douro e os cerca de cem estudantes que estão, actualmente, a desenvolver os seus projectos de ideias. Em meados do próximo ano, será realizada uma viagem de dos estudantes e docentes à região, parcialmente realizada a bordo de um cruzeiro fluvial. Durante esta viagem, as equipas de trabalho apresentarão os seus projectos de valorização dos respectivos destinos turísticos em cinco locais emblemáticos para cada uma das marcas-destino.

A primeira edição do “Tourism Innovation Journeys” encerrará com o anúncio das ideias vencedoras numa cerimónia a realizar nos Paços do Concelho de Lisboa.