TUI Portugal: Vendas estão com aumento de 30%

Números exactos de volume de negócios a TUI Portugal não dá mas Francisca Ferreira, directora do operador, informou esta quarta-feira, à margem do roadshow de Lisboa, que “as vendas para o Verão estão a crescer bastante”, precisando mesmo que, à data, estão “30% acima do ano passado” quando o operador funcionava ainda sob a marca Nouvelles Frontières.

O que Francisca Ferreira também realçou foi a tendência crescente dos portugueses para escolherem “destinos diferentes”, mesmo dentro da programação da TUI Portugal, composta a íntegra por grandes viagens, em voos regulares.

Assim, se Maldivas que está com vendas antecipadas até final de Maio, Maurícias com vendas antecipadas até 15 de Maio, e Tailândia continuam a ser as estrelas em termos de vendas, as duas primeiras com grande peso de luas-de-mel, “tem aumentado a procura” por outros destinos mais recentes e mais desconhecidos como Costa Rica, Peru, África do Sul e Japão. Das apostas do operador para este ano fazem ainda parte os Estados Unidos, Canadá e Austrália.

Para o crescimento da procura que está a verificar contribui o facto de os portugueses estarem de novo a sentir o apelo pelas viagens de longo curso e a diversificação de destinos e produtos que a própria TUI Portugal coloca este ano à sua disposição.

Ao todo, na brochura “Viagens sem fronteiras”, as 164 páginas são preenchidas por 37 destinos, sendo 10 novos, enquanto na brochura “Paraísos” há 160 hotéis à escolha. Entre as novidades para este ano estão destinos como Botswana, Bolívia, Chile, Colômbia, Coreia do Sul, Etiópia, Guatemala, Madagáscar, Namíbia e Uganda.

Há também novidades nos destinos já programados pelo operador. Na Tailândia, por exemplo, é oferecido um novo circuito, “Pelos Trilhos da Tailândia”, na Indonésia surge o programa “Bali, Gili e Lombok”, no Vietname o circuito “Bom dia Vietname”.