TUI quer reforçar aposta em Cabo Verde

O Grupo TUI quer reforçar os seus investimentos no arquipélago. Para isso, no entanto, pede maior investimento em infra-estruturas por parte do Governo cabo-verdiano.

O anúncio foi feito há alguns dias na Cidade da Praia pelo administrador executivo do grupo, Friedrich Joussen, em declarações aos jornalistas, no final de audiência com o primeiro-ministro cabo-verdiano. Nas reuniões que o responsável da TUI manteve com governantes cabo-verdianos foram abordadas as condições que o grupo coloca para aumentar os seus investimentos no arquipélago.

Recorde-se que, para além de operações turísticas para Cabo Verde, a TUI possui unidades hoteleiras nas ilhas da Boavista e do Sal, sendo que na ilha do Sal, os seus hotéis estão agora a passar por profundas remodelações.

“Temos 200 mil clientes muito satisfeitos que falam de forma muito positiva sobre as férias nas belas ilhas de Cabo Verde. Mas penso que precisamos de mais infra-estruturas, como estradas e aeroportos. O aeroporto da Boavista tem de receber voos nocturnos”, salientou o responsável da TUI, citado pelo site Expresso das Ilhas.

É, aliás, a possibilidade de realização de voos nocturnos um dos planos que se encontra em cima da mesa de negociações, com Friedrich Joussen a afirmar, segundo o mesmo site noticioso, que “há um plano e já acordámos com o novo Governo a partilha desse plano. Veremos o que é possível fazer a curto prazo, uma vez que há uma enorme procura e aumento de clientes”.