Turismo de Portugal é o melhor organismo oficial de Turismo da Europa

Turismo de Portugal é o melhor organismo oficial de Turismo da Europa, pelo 2º ano consecutivo. O prémio é atribuído pelos World Travel Awards 2015 – também conhecidos como “Óscares do Turismo”.

Portugal, que repete a vitória do ano passado e de 2008 nesta categoria, concorreu com os organismos oficiais de Atenas (Athens Convention Bureau), Áustria (Austrian National Tourist Office), França (French Tourist Board), Alemanha (German National Tourist Board), Grécia (GNTO – Greek National Tourism Organisation), Espanha (Instituto de Turismo de España (TURESPAÑA), Itália (Italian State Tourism Board), Turquia (The Turkish Ministry of Culture and Tourism), Reino Unido (VisitEngland) e Yorkshire (Welcome To Yorkshire).

O presidente do Turismo de Portugal, João Cotrim de Figueiredo, refere que este prémio pertence “aos extraordinários colaboradores do Turismo de Portugal que dão provas todos os dias de que é possível ter uma Administração Pública moderna, eficaz e virada para o mercado”, mas também “a cada português que é exemplo vivo da arte de bem receber, essa forma genuína de tratar bem quem nos visita e que tanto nos distingue”.

Sem isto, disse João Cotrim, “não seria possível estarmos a registar os bons resultados que temos neste ano de 2015: mais hóspedes, mais dormidas, mais receitas, mais geração de emprego.”

A entrega dos prémios da 22.ª edição dos World Travel Awards teve lugar este sábado, na Sardenha, em Itália.

Os World Travel Awards foram atribuídos pela primeira vez em 1993, reconhecendo o trabalho desenvolvido na área da indústria turística a nível global, de modo a estimular a competitividade e a qualidade do Turismo. A selecção dos nomeados é realizada à escala mundial por milhares de profissionais do sector, que todos os anos escolhem os seus favoritos.

A eleição, que distingue o Turismo de Portugal de entre os restantes nomeados para esta categoria, surge como resultado de uma votação em que participaram milhares de profissionais do sector, oriundos de todos os países do mundo.