Turismo de Portugal relança campanha ?No waves: Come back for free?

O Turismo de Portugal (TP) vai relançar este ano a campanha ?No waves: Come back for free?, iniciativa lançada em Outubro do ano passado e que desafiava os surfistas internacionais a virem a Portugal, oferecendo uma nova viagem caso não fossem encontradas ondas de qualidade para a prática do surf. ?Dado o êxito desta iniciativa, decidimos avançar em 2013 com a segunda edição desta campanha?, avança Luís Matoso, administrador do Turismo de Portugal, citado em comunicado à imprensa. A campanha foi considerada um sucesso, até porque não houve reclamações quanto à falta de ondas, servindo para promover o país como destino de surf e para criar uma motivação específica junto de públicos-alvo bem definidos, no caso os surfistas. Os canais de comunicação escolhidos para a difusão da campanha foram a internet e os media sociais, os meios preferidos do público-alvo, ainda que tenha sido possível atingir também outros públicos, transmitindo a ideia, através da associação ao surf, de que Portugal é ?um destino moderno e sofisticado, conotado com um estilo de vida dinâmico?, explica o TP em comunicado. O sucesso da campanha ?No waves: Come back for free? foi recentemente reconhecido nos Prémios Comunicação da revista Meios&Publicidade, que atribuíram à campanha o galardão na categoria Viagens&Turismo. ?Este é mais um reconhecimento de que a aposta nos meios online e em acções surpreendentes e directas ao consumidor garante mais eficácia, assegura um retorno mais rápido e contribui, neste caso, para a nossa afirmação como um dos melhores locais da Europa para a prática de surf?, congratula-se Luis Matoso. Todos os pormenores sobre a campanha promocional, que esteve em vigor ao longo de três meses, podem ser consultados através do site www.portuguesewaves.com, não sendo ainda conhecidos pormenores sobre a edição de 2013. I.M.