Turismo do Brasil espera ano histórico

A Embratur ? Instituto Brasileiro do Turismo espera que o turismo brasileiro registe em 2013 um dos seus melhores anos de sempre, expectativa que se baseia nos resultados registados durante os meses de Julho e Agosto, quando o Brasil viu o número de chegadas de turistas internacionais disparar. De acordo com a Embratur, o mês de Julho foi o melhor de sempre no que ao turismo internacional diz respeito, com o número de chegadas de turistas estrangeiros a subir 27% nos oito principais aeroportos brasileiros, enquanto em Agosto se registou um acréscimo de 5,5%. ?O turismo do Brasil vive um momento único. No círculo virtuoso provocado pelos megaeventos, o turismo internacional caminha para fechar 2013 com 6 milhões de turistas e em 2014 alcançaremos a marca de 7,2 milhões?, congratula-se Flávio Dino, presidente da Embratur. Já a receita proveniente dos gastos dos turistas internacionais chegou aos 2,95 mil milhões de euros de Janeiro a Julho, ?batendo o recorde histórico para o período?, segundo a Embratur, que destaca a Copa das Confederações e a Jornada Mundial da Juventude como eventos que conferiram um importante contributo para o sucesso do ano turístico no país. No conjunto dos dois eventos, foram injectados cerca de 652,5 milhões de euros na economia brasileira, tendo a Copa das Confederações sido também importante para aumentar a visibilidade do Brasil enquanto destino turístico. Já a Jornada Mundial da Juventude, que levou o Papa Francisco ao Brasil, ?garantiu o melhor Julho da história para o turismo internacional?, contabilizando a entrada de 415 mil turistas, sendo que só o Rio de Janeiro, cidade que recebeu as comemorações, recebeu 30% mais de turistas internacionais. ?Além do aumento na entrada de turistas e divisas, o Brasil apresentou um salto de qualidade nos serviços prestados ao turista estrangeiro. Pesquisas realizadas pela Embratur, durante os dois eventos internacionais, apontam que 81,2% dos estrangeiros se consideraram satisfeitos ou muito satisfeitos com a viagem ao Brasil?, destaca ainda a Embratur. I.M.