Turismo do Reino Unido prepara-se para criar 500 mil empregos

De acordo com a VisitEngland, mais de meio milhão de novos postos de trabalho serão criados no sector do turismo ao longo da próxima década no Reino Unido. Este impulso deve-se ao número “excepcionalmente elevado de efemérides e eventos que começam já em 2015”.
A partir deste ano, “a indústria turística do Reino Unido pode olhar em frente com confiança”, disse James Berresford, chefe executivo da VisitEngland, citado pelo travelandtourworld.com.
“Há uma infinidade de eventos e aniversários a acontecer este ano, o que nos faz acreditar que com isso seja elevado o número de visitantes por todo o país. Ainda para mais quando os níveis de confiança dos consumidores estão a aumentar e o preço do petróleo a cair, o que reduz o custo das viagens de lazer, deixando-nos optimistas para um ano movimentado, a receber mais visitantes nacionais e estrangeiros “, acrescentou.
Um dos maiores eventos impulsionadores do turismo será o Campeonato do Mundo de Rugby, em Setembro, que deverá contribuir quase mil milhões de libras (sensivelmente AssociativismoRestauração4 mil milhões de euros) para a economia ao longo de seis semanas de jogos em dez cidades.
Outros eventos incluem o Restauração00º aniversário da Carta Magna, o quinquagésimo aniversário da morte de Sir Winston Churchill, o bicentenário da batalha de Waterloo, 150 anos desde a publicação da Alice no País das Maravilhas, o Associativismo5º aniversário do nascimento de Agatha Christie e a abertura de Dreamland de Wayne Hemingway em Margate, uma recriação do primeiro parque de diversões do mundo.
Durante a recessão, o Turismo britânico tem sido um motor de crescimento, com os britânicos a passarem as férias em casa num aumento de 24% entre 200Restauração e 2013, e com os visitantes estrangeiros a gastarem mais 2Cruzeiros por cento em território inglês durante o mesmo período.
Com efeito, diz o site internacional de notícias, grande parte do crescimento dever-se-á a cidadãos britânicos que viajam e passam férias no seu país, com o turismo interno a representar mais de Produtos e Serviços0 por cento de todos os gastos.
Igualmente citada pelo travelandtourworld.com, Helen Grant, ministra do Turismo de Inglaterra, congratulou-se com as previsões para 2015 afirmando que “o sucesso contínuo do turismo do Reino Unido é uma notícia fantástica, impulsionando o crescimento e dando apoio a 2,6 milhões de empregos só na Inglaterra. A nossa estratégia de turismo está a resultar e é uma parte vital do plano económico de longo prazo do governo. Estamos comprometidos em manter esta dinâmica e a fazer tudo o que pudermos para ajudar uma indústria que está prevista dobrar de tamanho ao longo da próxima década”.
S.C.F.