Turismo de Portugal alvo de buscas da PJ

O Turismo de Portugal foi esta quinta-feira alvo de buscas pela Polícia Judiciária. As diligências foram já confirmadas pelo próprio organismo.

Sobre as buscas, a Procuradoria-Geral da República adiantou à Agência Lusa, terem sido realizadas no âmbito de um inquérito do Departamento de Investigação e Acção Penal (DIAP) de Lisboa.

A notícia das diligências foi avançada pelo site do Diário de Noticias, onde se adiantava que os inspectores da Unidade Nacional contra a Corrupção (UNCC) teriam recolhido documentação sobre contratos e adjudicações referentes à promoção do turismo português no estrangeiro, sobretudo no Brasil.

Ainda de acordo com o DN, no centro das suspeitas estará um ex-elemento do conselho de administração do Turismo de Portugal, que terá distribuído adjudicações por empresários que lhe eram próximos.