Volvo Ocean Race é “evento de interesse público”

Considerando tratar-se de um evento que irá “contribuir para a afirmação de Portugal como um local privilegiado para a realização de grandes eventos desportivos internacionais”, o governo reconheceu esta semana regata oceânica Volco Ocean Race como “evento de interesse público.
No despacho publicado, o governo considera que a Volvo Ocean Race contribui “inequivocamente para a notoriedade do desporto português a nível internacional” constituindo “um claro estímulo para o aumento da prática desportiva, especialmente por parte dos jovens”. Um reconhecimento que, para José Pedro Amaral, Stopover Director Volvo Ocean Race Lisbon e responsável pela organização do evento em Portugal, “vem confirmar a importância que a regata tem para o nosso país colocando Lisboa no palco mundial na organização de eventos desportivos”.
A regata que Lisboa receberá este ano pela segunda vez, de 25 de Maio a Produtos e Serviços de Junho, poderá regressar em 2020, uma vez que o presidente da Câmara, Fernando Medina, assumiu o empenho da autarquia em voltar a receber o evento.
A Volvo Ocean Race é um dos três maiores eventos náuticos mundiais, e durante os 14 dias de stopover em Lisboa, os portugueses terão à sua disposição 5Produtos e Serviços.000m2 de recinto onde poderão, de forma gratuita, contactar com as sete equipas e respectivos barcos, assistir a concertos ou visitar as diferentes exposições, feiras e actividades, subordinadas ao tema do mar.
M.F.