28 anos de lucros para a Emirates

A Emirates divulgou esta terça-feira os resultados referentes ao passado ano fiscal, que terminou em Março. Pelo 28º ano consecutivo, a companhia apresenta lucros que são, afirma a Emirates, “os mais altos de sempre”.

Aumento no número de passageiros transportados e crescimento no volume de negócios são indicadores que suportam os lucros mais altos de sempre que a Emirates apresentou no ano fiscal que terminou em Março último. No período em análise, a companhia aérea atingiu um lucro de 2,2 mil milhões de dólares, qualquer coisa como 1,9 mil milhões de euros, reflectindo um aumento homólogo acima dos 50%. Já o resultado do grupo cifrou-se em 25,3 mil milhões de dólares, ou seja, cerca de 22,2 mil milhões de euros, reflectindo neste caso uma redução de 3% face aos resultados do ano financeiro anterior.

A beneficiar os resultados que a companhia aérea conseguiu no último ano fiscal esteve a queda no preço do petróleo, permitindo que os gastos com esta matéria caíssem 31% neste ano, para cerca de 4,7 mil milhões de euros.

A Emirates transportou 51,9 milhões de passageiros, um número recorde que reflectiu um aumento de 8% face ao ano anterior, com uma ocupação média de 76,5%. Ligeiramente abaixo do verificado no ano anterior, uma vez que o grupo aumentou em 13% a sua oferta de lugares.