AccorHotels adquire as marcas de luxo Fairmont, Raffles e Swissôtel

O grupo AccorHotels acaba de anunciar oficialmente a aquisição do FRHI Hotels & Resorts e as suas três marcas de hotéis de luxo: Fairmont, Raffles e Swissôtel, após aprovação na assembleia geral de accionistas.

Esta incorporação de três marcas posiciona instantaneamente o grupo como um dos líderes no mercado global de hotéis de luxo, aumentando o seu potencial de crescimento a longo prazo e a sua rentabilidade, e expandindo significativamente o alcance da empresa na América do Norte, o maior e mais influente mercado consumidor do mundo.

O portfólio do FRHI inclui a gestão de alguns dos hotéis mais emblemáticos e históricos do mundo, localizados em cidades estratégicas, incluindo o Savoy, em Londres, Raffles, em Singapura, Fairmont, em São Francisco, The Plaza, em Nova Iorque, Fairmont Le Château Frontenac, na cidade do Quebec, e o Le Royal Monceau Raffles, em Paris.

No âmbito da recente aquisição, e como parte de uma estratégia maior do grupo em reforçar o seu segmento de luxo e de negócios de alto nível, a empresa nomeou Chris Cahill como CEO das marcas de luxo do grupo. Neste cargo recém-criado, Chris Cahill, que também será um membro do Comité Executivo da AccorHotels, liderará o processo de integração da FRHI, além de ser responsável pelas operações globais de estratégia e das marcas de luxo da AccorHotels. Essa nova estrutura incluirá a rede Raffles, Fairmont, o Sofitel Legend, So Sofitel, Sofitel, MGallery by Sofitel, Pullman e Swissôtel.

Chris Cahill é um hoteleiro experiente, que chefiou várias integrações bem-sucedidas, e está familiarizado com a gestão de multimarcas e traz uma extensa experiência em operações de luxo, vendas e marketing.

O grupo pretende gerar cerca de  65 milhões de euros em receitas e sinergias de custos graças à combinação das marcas, à maximização dos ganhos do hotel, ao aumento da eficiência de marketing, vendas e iniciativas de canais de distribuição e à optimização dos custos de suporte. Melhorias significativas também serão feitas em relação aos dados de clientes, graças à integração da base de clientes da FRHI, que inclui três milhões de associados, dos quais 75% se encontram na América do Norte.

A grande maioria dos 154 hotéis e resorts Fairmont, Raffles e Swissôtel (dos quais 40 estão em desenvolvimento) e com 56 mil quartos, abrangendo 34 países e cinco continentes, é operada sob contratos de gestão a longo prazo, com prazo médio de cerca de 30 anos, seis hotéis são alugados e um é de propriedade própria. As marcas Fairmont, Raffles e Swissôtel empregam mais de 45 mil colaboradores em todo o mundo.