ACISO faz balanço muito positivo dos WITR 2020

Terminada que foi a 8ª edição dos Workshops Internacionais de Turismo Religioso que decorreu em Fátima e na Guarda, a ACISO, que é uma das entidades organizadoras, faz um “balanço muito positivo” do evento.

Apesar da desistência de 35 hosted buyers e de 22 suppliers, justificadas com os receios relacionados com o surto de coronavírus, apenas quatro países ficaram sem representação no evento, concretamente, a Costa do Marfim, a Croácia, a Nova Zelândia e o Uruguai, avança a organização do WITR, dando conta da presença de delegações de 47 países, 600 participantes na conferência inaugural e a realização de cerca de 5.000 reuniões B2B.

Purificação Reis, presidente da direcção da ACISO, afirma que “além da elevada participação que registámos, é importante referir que a edição deste ano volta a confirmar este evento como um dos mais importantes a nível internacional para a promoção do turismo religioso e de peregrinação em Portugal e ocasião especial para o estabelecimento de bolsas de contactos de negócio entre os participantes”. A responsável considera ter sido “muito bom ouvir, na sessão inaugural, a senhora secretária de Estado do Turismo reafirmar o empenho e a intenção das entidades oficiais na valorização do Turismo Religioso em Portugal”.

Os primeiros dois dias do evento, 5 e 6 de Março, tiveram lugar em Fátima e foram marcados pela sessão oficial de abertura e conferência inaugural e pelas reuniões comerciais e de negócios. Na Guarda, no dia 7, alguns dos participantes que também trabalham o turismo judaico, tiveram oportunidade de continuar a descoberta turística do país e as reuniões de negócios centradas neste segmento.