Agência de viagens santomense anuncia voos para Lisboa via África do Sul

A agência de viagens de São Tomé e Príncipe, JBC Travel and Tours, acaba de anunciar que vai organizar a partir de 30 de Agosto próximo ligações aéreas entre São Tomé e Lisboa, via Joanesburgo. A operação, que será efectuada três vezes por semana, será assegurada com um avião Airbus com capacidade para 150 passageiros.

Além destas ligações, em que os preços dos bilhetes serão acessíveis, especialmente para os turistas, a empresa pretende numa segunda fase começar a voar para Acra (Gana), Douala (Camarões) e Lagos (Nigéria), refere a imprensa local, sem no entanto indicar a companhia aérea responsável por essa operação.

Este projecto envolve a agência de viagens JBC Travel and Tours, empresa com sede em São Tomé e outras empresas estrangeiras em parceria directa com o governo de São Tomé e Príncipe no âmbito do “relançamento do turismo e abertura do arquipélago ao mundo.”

Esta é uma iniciativa aguardada com grande expectativa em S. Tomé e Príncipe, uma vez que a agência de viagens anunciou, o ano passado, uma operação para a capital portuguesa, projecto esse que não foi concretizado.

A JBC Travel & Tours, havia anunciado para 3 de Setembro de 2015 a partida do primeiro voo para Lisboa, o que não viria a acontecer, com muitas reclamações de pessoas que já haviam comprado bilhete.

O presidente da empresa, Bilssen Coelho, explicaria que tinham sido feitos todos os decursos legais para que o projecto fosse em diante e com sucesso, tendo disponibilizado as documentações legais necessárias para obtenção da Autorização do Instituto Nacional de Aviação Civil de São Tomé e Príncipe. No entanto, disse, “fomos confrontados com os documentos a autorizar que o voo entrasse mas não pudesse sair de São Tomé”, ou seja, apenas se autorizava a entrada do avião sem passageiros e que para o voo partir de São Tomé com passageiros seria necessária a autorização da autoridade aeronáutica portuguesa.

Recorde-se que estava previsto que os voos charter da JBC Travel & Tours partissem às quintas da capital santomense, sendo operados pela Air Horizont, com um Boeing 737-400 de 152 lugares.