Airbnb já colectou mais de 9M€ em taxas turísticas desde 2016

Só no primeiro semestre desde ano, a Airbnb entregou a Lisboa 2,6 milhões de euros em taxas turísticas. Já no Porto, e em apenas dois meses, foram entregues ao município 963 mil euros.

A Airbnb entregou à Câmara Municipal de Lisboa, em nome dos anfitriões, mais de 2.6 milhões de euros de receitas provenientes da colecta da taxa turística. Recorde-se que a colecta e entrega da taxa turística faz parte de um acordo estabelecido entre a Airbnb e a cidade de Lisboa para “promover a partilha responsável de alojamento e simplificar os processos para todos os intervenientes”.

Já no Porto a Airbn entregou mais de 963 mil euros em taxa turística às autoridades da cidade durante a primeira metade de 2018. O montante refere-se, concretamente, às taxas colectadas entre Abril e Junho deste ano.

No total, desde Abril de 2016 a Airbnb já colectou e entregou à capital portuguesa quase 8,1 milhões de euros em taxa turística paga pelos hóspedes, em nome dos seus anfitriões. Contas feitas, no global do país, a Airbnb já remeteu 9,1 milhões de euros de taxa turística em nome de anfitriões, valores relativos às duas maiores cidades do país.

Arnaldo Muñoz, country manager da Airbnb Marketing Services para Portugal e Espanha comenta, a propósito, que “a Airbnb vai mais além dos hotéis na distribuição de benefícios às famílias e às comunidades locais. E torna também mais fácil para os anfitriões pagar sua justa parte dos impostos e contribuir financeiramente para a cidade”.

Referindo-se à nova legislação, o responsável afirma que “as novas regras propostas são um passo na direcção errada, pois vão prejudicar as famílias locais e aumentar a burocracia para todos. Queremos tornar mais fácil – não mais difícil – o cumprimento da Lei e continuaremos a trabalhar com os legisladores sobre regras baseadas no senso comum”.