Algarve Nature Week volta de 13 a 22 de Maio

A segunda edição da Algarve Nature Week, uma iniciativa única no sul do país promovida pela Região de Turismo do Algarve (RTA), em parceria com a Câmara Municipal de Loulé, com o objetivo de diversificar a oferta do destino e impulsionar o turismo de natureza, vai decorrer de 13 a 22 de Maio.

Este ano, a semana mais natural do Algarve, trás várias novidades e um extenso programa de animação ao ar livre. Este ano foi aberta a participação na iniciativa a agências de viagens que proporcionarão ofertas mais completas de experiências que contemplam também pacotes com alojamento.

Baptismos de mergulho e de surf, interacção com burros e cavalos, observação de aves e cetáceos, passeios de bicicleta, caminhadas pela serra e passeios de barco pela Ria Formosa e pelas grutas e algares da região são apenas alguns exemplos das atividades que estarão disponíveis a preços especiais durante o evento.

A Mostra de Natureza da Algarve Nature Week acontece este ano logo nos três primeiros dias, de 13 a 15 de Maio, no Passeio das Dunas de Quarteira, em Loulé, onde estarão representadas entidades, empresas de animação turística com muitas actividades nos mais diversos ambientes naturais, e produtores locais com mostra de produtos e artesanato. A entrada na mostra é livre e todas as atividades são gratuitas no dia 13.

Pela primeira vez a Eco Meia Maratona de Vilamoura surgirá integrada na Algarve Nature Week, arrancando no dia 14 de maio do Passeio das Dunas de Quarteira, ao qual os atletas regressarão tempo depois para se conhecerem os vencedores da segunda edição da prova.

Na opinião do presidente da RTA, Desidério Silva, “esta é uma excelente forma de realçarmos as características do Algarve para o turismo desportivo e de natureza”, que em 2015 contou com a participação de mais de mil pessoas, com 130 experiências ao ar livre, 6 mil visitantes e 60 expositores na Mostra de Natureza.

O site oficial do evento também foi reestruturado ao nível da imagem e conteúdos. Em 2016, as novidades digitais incluem também a activação da página de Facebook e a criação de uma conta na rede social Instagram para incentivar a partilha do evento e do ambiente natural do Algarve por via da fotografia.