IATA prevê queda de 3 mil milhões de dólares nas receitas das transportadoras portuguesas

por Em Aviação Bloco 3

Nas suas mais recentes estimativas do impacto da pandemia Covid-19 na aviação, a IATA prevê um prejuízo de 3 mil milhões de dólares para as companhias aéreas portuguesas, a perda de 141.000 postos de trabalho, um decréscimo de 6 mil milhões de dólares na contribuição para o PIB e menos 21,3 milhões de passageiros em voos de e para Portugal.

Ler mais