“Enoturismo: Como Crescer e Competir?” é tema de seminário em Lisboa

Para ouvir alguns dos principais nomes do enoturismo dos Estados Unidos e da Europa, realiza-se no dia 12 de Março, na AESE, em Lisboa, o seminário “Enoturismo: Como Crescer e Competir?”.

A sessão vai permitir também discutir os dados recolhidos pelo Projeto CV3 – Criação de Valor na Vinha e no Vinho, uma parceria da AESE Business School e da Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro (UTAD) para a realização de estudos e eventos sobre a economia do vinho em contexto académico.

O seminário inicia-se às 14h30, os principais oradores são Damià Serrano, da Universidade de Barcelona, com uma intervenção sobre “O Enioturismo 4.0”, o presidente da Visit Nappa Valley Organization, Clay Gregory, falará a partir da Califórnia (através de transmissão vídeo) sobre “A Região Vitivinícola a Trabalhar para Um Objetivo Comum”, e a francesa Catherine Leparmentier Dayot, directora-executiva da Great Wine Capitals Global Network, irá descrever “A Experiência Europeia do Enoturismo”.

Segundo declarações recentes da secretária de Estado do Turismo, Ana Mendes Godinho, em 2018 vieram a Portugal 2,5 milhões de turistas atraídos por enoturismo (face a 2,2 milhões em 2016), sendo que “80% dos que nos visitam afirmaram que a nossa gastronomia e os nossos vinhos os farão voltar”. Se Portugal acompanhar a evolução verificada noutras regiões do mundo, é previsível que nos próximos anos os turistas enófilos aumentem os seus consumos nos enoturismos portugueses em cerca de 20%.