Entrada de turistas em Espanha cresceu 0,5% nos primeiros 10 meses de 2018

Segundo dados revelados pelo Instituto Nacional de Estadística de Espanha, o país recebeu um total de 73,9 milhões de turistas internacionais nos primeiros 10 meses deste ano, num crescimento de 0,5%, comparativamente ao período homólogo de 2017.

Os principais destinos emissores, nestes 10 meses, foram o Reino Unido (16,7 milhões de turistas), França e Alemanha. A Catalunha foi a região que acolheu o maior número de turistas ao longo destes meses, num total de 17,1 milhões de entradas, a que se seguem as Ilhas Baleares e as Ilhas Canárias, que ainda assim apresentam uma queda de 3,5%. De Janeiro a Outubro, os turistas estrangeiros gastaram 79,92 mil milhões de euros no país, um crescimento de 2,7% comparativamente a 2017.

No passado mês de Outubro, Espanha recebeu um total de 7,6 milhões de visitantes estrangeiros, mais 5% que em Outubro do ano passado. Estes turistas gastaram no país 8,15 mil milhões de euros, um crescimento homólogo de 4,6%. Nos países emissores encontra-se novamente o Reino Unido no topo da lista (1,7 milhões de turistas), seguindo-se a Alemanha e França. Destaca-se o crescimento, comparativamente a Outubro de 2017, de 23,4% na entrada de turistas dos Estados Unidos da América e de 21,5% de chegadas de turistas portugueses.

Para a secretária de Estado do Turismo de Espanha, Isabel Oliver, os números revelados na passada segunda-feira, 3 de Dezembro, são “uma excelente notícia”, com o facto de as receitas continuarem na senda do crescimento a significar que “estamos a receber um turismo de maior qualidade”. “É também positivo o ligeiro crescimento na chegada de turistas pois, com estas perspectivas, tudo indica que fecharemos o ano a um nível muito semelhante ao de 2017”, conclui a governante.