Greve: Lufthansa garante mais de metade dos voos de longo curso

Face à greve de um dos sindicatos dos pilotos da Lufthansa anunciada para esta terça-feira, a transportadora aérea garante 1500 voos de passageiros, incluindo 170 serviços de longo curso.

Com um número relativamente grande de pessoal do cockpit a indicar disponibilidade para voar, a Lufthansa irá poder operar mais de metade dos seus serviços intercontinentais de passageiros apesar da greve. No total, 84 serviços de longo curso de e para Frankfurt, Munique ou Dusseldorf terão de ser cancelados, mantendo-se 90.

Um pequeno número de voos intercontinentais para Frankfurt, Munique e Dusseldorf tiveram de ser cancelados hoje de modo a garantir que as operações de voo sejam retomadas sem sobressaltos na 4ª feira após a greve, indica ainda a Lufthansa.

Os passageiros cujos voos tenham sido cancelados por causa da greve poderão alterar ou cancelar as suas reservas sem custos ou penalizações, refere a transportadora alemã, que está a envidar todos os esforços para reduzir ao mínimo o impacto desta greve nos seus clientes.

A todos os clientes da Lufthansa com bilhetes para viagens de longo curso de ou para Frankfurt, Munique ou Dusseldorf, é pedido que verifiquem o estado dos seus voos em LH.com atempadamente, antes da partida programada.