Harmony of the Seas o maior navio de cruzeiros do mundo

Cerca de 100 pessoas participaram na viagem de apresentação do Harmony of the Seas a convite da Melair Portugal. Agentes de viagens e jornalistas estiveram durante dois dias no maior navio do mundo e “deslizaram” nesta obra-prima dos mares sem sentirem ruídos ou qualquer tipo de trepidação graças às mais modernas tecnologias.

Harmony of the SeasHarmony of the SeasHarmony of the Seas

Quando o Harmony largou do porto de Barcelona, o grupo de convidados portugueses estava num dos seus espaços interiores no deck 4, numa cerimónia privada que contou com a presença do CEO da Royal Caribbean, Michael Bayley e com o director de hotelaria desta “cidade flutuante”, o português João Mendonça. Só quando o evento acabou e o grupo subiu ao deck 15, a área de lazer, nos apercebemos que a terra firme já estava algo distante. A tranquilidade com que o navio se tinha desprendido do cais, em Barcelona, tinha sido tal que nada sentimos.

O maior navio do mundo já tem dois “irmãos gémeos” e embora com características ligeiramente diferentes dos seus antecessores o Harmony passa agora a ser o terceiro elemento da família Oasis. O Harmony vai estar no mar Mediterrânico durante o Verão e quem quiser passar uma semana na mais recente cidade europeia, só o poderá fazer até Outubro porque depois ele rumará para outras paragens, as Caraíbas, e não voltará ao velho continente.

Com 362 metros de comprimento, 47 de largura e 72 altura, 16 decks e uma população máxima de pouco mais de oito mil pessoas, 5.479 passageiros e 2.747 tripulantes, o Harmony of the Seas é muito mais do que um navio – constatação fácil se tivermos em conta que tem mais população do que muitos municípios portugueses.

Entre as suas atracções destacam-se o The Ultimate Abyss, slide de 30 metros com altura de 10 decks, o The Perfect Storm, trios de slides aquáticos, o primeiro restaurante Wonderland com dois pisos, as 11.252 obras de arte expostas ao longo do navio, o jardim natural com cerca de 10.500 plantas, e também a Voom, a internet mais rápida em alto mar disponibilizada apenas a clientes Royal Caribbean.

O Harmony of the Seas vai ter Barcelona como porto de embarque e desembarque, numa temporada com 34 cruzeiros de 7 noites pelo Mediterrâneo ocidental, com a primeira partida a ter acontecido esta terça-feira, 7 de Junho. Em Novembro deste ano o navio irá posicionar-se no seu porto de registo em Port Everglades, Fort Lauderdale, de onde irá fazer cruzeiros de 7 noites pelas Caraíbas orientais e ocidentais.