Iberia prepara abertura de novas rotas de longo curso

A Iberia está a preparar a abertura de novas rotas na Ásia, África e América nos próximos anos e a decisão definitiva sobre os novos destinos será anunciada antes do final do ano.

No entanto, Tóquio, Johannesburgo, Toronto, San Juan de Porto Rico, Doha, Brasília, Manágua, Guardalajara e Assunção figuram entre as cidades em estudo. Finalizada a fase de negociações, estas cidades serão seleccionadas em função da sua rentabilidade.

A implementação do Plano de Futuro da Iberia, a nova situação dos custos e o positivo comportamento das suas receitas estão a consolidar os objectivos da companhia, o que se tem traduzido numa positiva evolução dos resultados, a pesar da transportadora aérea espanhola tenha reportado perdas de 4 milhões de euros neste semestre e lucros de 51 milhões de euros no segundo trimestre.

Assim, a Iberia decidiu expandir as suas rotas tanto nos seus mercados tradicionais como apostar em novos destinos, entre 2016 e 2017, com a incorporação na frota dos novos A350-900 e A330-200.

O plano da Iberia prevé converter em pedido firme as cinco opções de compra dos A330-200 e oito opções dos A350-900 para ampliar e renovar a flora de longo curso. Os primeiros chegam ainda este ano e o próximo, enquanto os segundos têm chegada prevista entre 2018 e 2020.

C.M.