Ibis Portugal leva a cabo vasto plano integrado de remodelação

Os hotéis Ibis em Portugal estão a ser alvos de um vasto plano integrado de remodelação que não passa apenas pela renovação das estruturas das unidades hoteleiras, como também pelas áreas do F&B e da animação, com novos conceito, e da introdução de novo “dress-code” dos colaboradores.

Esta informação foi dada ao turisver.com pelo director de Operações da cadeia em Portugal, André Cavrois.

O grande plano de renovação dos Ibis no nosso país, cadeia implantada em Portugal há cerca de 30 anos e com 23 hotéis com diferentes gerações, está pensado para três/quatro anos, tendo-se iniciado em 2013/14 com o rebranding total da marca e nova comunicação interna e externa. No mesmo momento, de acordo com André Cavrois, mudaram-se as camas e os televisores dos quartos, passando depois para as casas de banho e áreas públicas, em que o Ibis Saldanha, em Lisboa, é um bom exemplo. Estes trabalhos iniciaram-se em finais de 2015 e estão a decorrer até Março.

Nesta linha de melhoramentos, o Ibis criou um conceito diferente de quartos “Sweet Room”, com design, formas e materiais que veem ao encontro às unidades de luxo, e cores quentes de espelham o universo da marca, com casas de banho independentes também repletas de materiais de alta qualidade e tons, entre outros, já visível no Ibis Coimbra.

O próximo hotel, um dos primeiros em Portugal, que vai sofrer uma total transformação é o de Gaia.

No entanto, o Ibis está igualmente a renovar a parte do F&B. “Não pensamos só na parte física dos hotéis, mas também nos produtos e nos conceitos como forma de oferecer experiências aos nossos clientes”, referiu o director de Operações da marca. Neste sentido, a filosofia do pequeno-almoço é totalmente diferente, deixando de ser standard, mas proporcionando novas experiências aos hóspedes.

Igualmente, foi feita uma grande modificação no ambiente de noite dos hotéis, criando um calendário de animação no bar, seja para assistir futebol ou filmes em ecrã gigante, seja música.

As melhorias também vão chegar ao “dress-code” dos colaboradores das diferentes unidades, com cores diferentes, elegantes e funcionais. “Queremos apresentar modernidade e conectividade, envolvendo os clientes, os serviços, a oferta e os colaboradores, uma filosofia completa para que a renovação seja um sucesso”, indicou André Cavrois.