“Inevitável” abre para “valorizar experiências portuguesas”

O restaurante “Inevitável” abriu oficialmente as suas portas esta terça-feira, para acolher um novo conceito de Vinhos e Petiscos. Fica no Vila Galé Estoril e pretende harmonizar os vinhos Vila Galé com os sabores tradicionalmente portugueses em forma de petiscos.

Pelas mãos do Chef Executivo do Grupo Vila Galé, Francisco Ferreira, chega agora a vez de o “Inevitável Vinhos e Petiscos” abraçar este novo conceito que, segundo Gonçalo Rebelo de Almeida, administrador do grupo hoteleiro, se “baseia no nosso enoturismo e gastronomia porque acredito que é muito importante para Portugal valorizar estas experiências que se encontram unicamente no nosso país”, tendo ainda em conta que a zona do Estoril é altamente turística.

Para o efeito, o que outrora foi uma “Steak House” passa agora a ser um restaurante de petiscos, onde a decoração foi alterada para um “set up mais descontraído”, mantendo a ligação directa para o exterior.

Do menu constam pratos tradicionalmente portugueses, como salada de polvo, mexilhões com coentros ou ainda petiscos com bacalhau, salmão ou feijoada de búzios, com outros que pretendem satisfazer “clientes estrangeiros”, como o caso do rosbife com molho de rábano, explicou o administrador.

Da carta de vinhos constam as chancelas da casa, como o Versátil, Santa Vitória e Inevitável, e a lista de sobremesas oferece as portuguesas encharcada, farófias, pão-de-ló torrado com doce de abóbora e bolo de chocolate com creme fraîche. Os preços oscilam entre os 5€ e 9€ por petisco, num preço médio de consumo anunciado de 26€ por pessoa.

O restaurante, com capacidade para 64 pessoas, está aberto ao público todos os dias das 12h30 às 14h30 e das 19h30 às 23 horas.