IPDT: Barómetro mostra confiança no bom desempenho do turismo

O índice de confiança médio no desempenho do sector do turismo atingiu, em Setembro, o valor mais elevado desde Março de 2010, chegando aos 83,6 pontos, um acréscimo de 2,8 pontos face ao último registo observado em Abril de 2016, revela o último barómetro do IPDT.

Quanto às perspectivas de evolução do turismo para os próximos seis meses, de acordo com o inquérito, a procura turística externa e o investimento privado deverão aumentar, enquanto a carga fiscal, o investimento público e a procura turística interna deverão manter-se.

Para além destes itens, nesta edição do barómetro foram igualmente avaliadas as perspectivas globais no que toca a receitas, dormidas e número de turistas para o mercado interno e externo para o Natal e fim de ano de 2016, bem como o possível impacto do Brexit no turismo nacional e as principais apostas para o desenvolvimento sustentável do turismo nacional.

Cerca de 80% dos inquiridos acreditam que o Natal e fim de ano de 2016 vão ser melhores que os de 2015 no que toca a receitas, dormidas e número de turistas, no que se refere ao mercado externo. Já em relação ao mercado interno deverá registar uma evolução idêntica ao ano anterior.

Em relação ao impacto da saída do Reino Unido da União Europeia, um dos principais mercados emissores para Portugal, a maioria dos inquiridos (77%) indica que não terá consequências no sector do turismo nacional.

Finalmente, de acordo com as respostas ao barómetro do IPDT, a promoção e comunicação, a qualificação dos recursos humanos, a redução da carga fiscal e o apoio às empresas são os principais factores de desenvolvimento sustentável do turismo em Portugal.