Jet Airways introduz 1º Boeing 737 MAX 8

A Jet Airways, representada em Portugal pela ATR, anunciou a introdução do primeiro Boeing 737 MAX 8 na sua frota, com o intuito de proporcionar uma experiência de voo superior aos seus passageiros.

A principal companhia aérea internacional da Índia mantém, assim, a sua filosofia de oferecer aos passageiros uma experiência de voo superior e diferenciada. O 737 MAX representa a mais recente actualização da Boeing ao modelo 737, o jacto comercial mais produzido do mundo, que tem sido a espinha dorsal da frota da Jet Airways desde que iniciou as suas operações em 1994.

O 737 MAX foi projectado para oferecer um desempenho e confiabilidade excepcionais, com uma eficiência de combustível de até 15%. Tal é possível graças a uma combinação de aprimoramentos estruturais que incluem melhorias aerodinâmicas, incluindo os Winglets Advanced Technology que suavizam o fluxo de ar, ajudando a reduzir o arrasto e aumentando a eficiência em quase 2%.

O desempenho é ainda optimizado num novo mecanismo CFM LEAP-1B que incorpora tecnologia de ponta, como uma ventoinha de 69 polegadas com menor número de blades. As pás do ventilador ultra leves feitas de compostos de fibra de carbono, juntamente com o uso de divisas na traseira da capota do motor, complementam a eficiência do avião, diminuem o peso e o arrasto e reduzem a sua pegada de ruído até 40%. O design do motor requer menos manutenção e adequa-se ao peso operacional mais baixo do MAX, bem como a necessidade de menos empuxo do que os concorrentes.

Vinay Dube, CEO da Jet Airways, atesta que “a chegada do 737 MAX […] marca o início de um novo e excitante capítulo para a Jet Airways”, para acrescentar que este avião “está equipado para oferecer aos nossos passageiros a hospitalidade e experiência de viagem que eles merecem”. “A indução do consumo de combustível do 737 MAX também nos permitirá atender às nossas ambições estratégicas de crescimento, aumentar a nossa confiabilidade operacional e reduzir custos”, conclui.