Laboratório Estratégico de Turismo ET27 vai ao Funchal e ao Douro

Depois do Algarve o segundo e terceiro de 10 laboratórios Estratégicos de Turismo (LET) integrados no processo da construção da Estratégia para o Turismo 2017, vão ter lugar na Madeira (Funchal) e no Douro (Peso da Régua), respectivamente. As inscrições para as duas sessões já estão abertas.

O Laboratório Estratégico de Turismo ET 27 Madeira tem lugar no próximo dia 31 de Agosto no Museu Casa da Luz no Funchal, enquanto no Norte de Portugal vai decorrer no Museu do Douro, em Peso da Régua, no próximo dia 6 de Setembro, com início sempre às 14h30.

As duas discussões públicas contam na abertura com intervenções do presidente do Turismo de Portugal, Luís Araújo, e no encerramento com a presença da secretária de Estado do Turismo, Ana Mendes Godinho. Nuno Fazenda, director do Departamento de Estratégia do Turismo de Portugal fará o enquadramento e o enfoque regional da ET27.

O Laboratório Estratégico de Turismo em Peso da Régua contará com uma intervenção do vice-presidente da CCDR-Norte, Ricardo Magalhães, sobre “O Turismo no processo de desenvolvimento regional”.

O debate nacional sobre a Estratégia para o Turismo 2027 (ET27) iniciou-se numa conferência/debate realizada em Tomar, em Maio último, reflectindo a lógica de construção da ET 27 que se o Governo pretende plural e participada.
A ET27 procura identificar prioridades e opções, promover a integração das políticas sectoriais que influenciam a actividade do turismo e assegurar uma estabilidade nas políticas públicas do turismo até 2027 e assenta em cinco eixos estratégicos:  valorizar o território;  impulsionar a economia; potenciar o conhecimento; gerar conectividade; e projectar Portugal.

Paralelamente, o processo de discussão pública decorre através dos Laboratórios Estratégicos de Turismo (LET) visando a construção de uma estratégia partilhada, envolvendo agentes públicos e privados – empresas, instituições, regiões, players de sectores complementares para o turismo sem esquecer os mercados e os operadores turísticos, que já aconteceram junto dos principais mercados emissores para Portugal.

Estas iniciativas são espaços de discussão pública, que se dividem em sete LET territoriais (Norte, Centro, Lisboa e Vale do Tejo, Alentejo, Algarve, Açores e Madeira) e 3 LET temáticos (Conhecimento, Emprego & Formação; Competitividade & Inovação Sectorial; Tendências e Agenda Internacional).