Maio em Lisboa: Crescem todos os indicadores da hotelaria da cidade e região

A ocupação média por quarto, o preço médio por quarto vendido e o preço médio por quarto disponível da hotelaria tanto na cidade de Lisboa como em toda a região, durante o mês de Maio, registaram crescimentos.

O Observatório do Turismo de Lisboa revela que em Maio, a ocupação média por quarto na cidade de Lisboa situou-se nos 89,12%. Neste caso, as unidades de três estrelas a destacarem-se ao atin­girem os 91,57% e uma subida de 0,2% quando comparado com o mesmo período de 2015.

No que diz respeito ao preço médio por quarto vendido (Average), também todas as unidades registaram um aumento durante o mês de Maio (+9,9%), tendo-se fixado nos 100,04 euros, enquanto, a nível do preço médio por quarto disponível (RevPar) a taxa de variação é de mais 8,8%, traduzindo-se em 89,16 euros.

Também no acu­mulado de Janeiro a Maio há um crescimento sustentado do Average de 7% para um valor médio de 85,03 euros, com as unidades de três estrelas a destacarem-se com o valor mais elevado de taxa de variação (7,8%) para 42,62 euros, seguidas das unidades de cinco estrelas, com uma taxa de variação de 6,3% para 84,84 euros.

Em relação à região de Lisboa, o Observatório do Turismo de Lisboa indica que em Maio, as unidades de três estrelas foram as que registaram o maior crescimento de ocupação por quarto, com 88,52% face os 86,93% face ao período homólogo do ano passado, ou seja, uma subida de 1,6%

No preço médio por quarto vendido registou-se um aumento em todas as categorias das unidades hoteleiras durante o mês em análise, numa média de 95,05 euros e uma variação positiva de 9%.

No acumulado deste ano, todas as unidades hoteleiras registaram valores positivos quando comparadas com o período homólogo de 2015, registando um valor médio de 81,65, com uma taxa de variação positiva de 5,9%. No preço médio por quarto disponível, também todas as unidades hoteleiras registam valores positivos, com as unidades hoteleiras de cinco estrelas a dominar a tendência e regis­tando os valores mais elevados, enquanto no item respeitante ao preço por quarto vendido, o valor médio de todas as unidades é de 65,54 euros, o que representa uma subida de 0,8% face ao período homólogo de 2015, com as unidades de três e quatro estrelas a revelarem valores positivos de 68,50 euros e 67,31 euros, respectivamente.