Portugal conquista prémio inédito de “Destino Turístico Acessível” da OMT

Portugal tornou-se esta terça-feira o primeiro país a receber o prémio de “Destino Turístico Acessível 2019” da Organização Mundial do Turismo. A distinção foi entregue durante a 23ª Assembleia Geral da OMT, que decorre em São Petersburgo, Rússia.

O prémio que este ano foi entregue pela primeira vez e com que Portugal foi o único distinguido é atribuído pela OMT em parceria com a Fundação ONCE, e reconhece o esforço de Portugal na promoção da acessibilidade no Turismo.

Citada na nota enviada à imprensa pelo Gabinete do Ministro Adjunto e da Economia, a secretária de Estado do Turismo, Ana Mendes Godinho, sublinha que “esta distinção é recebida com enorme satisfação e é um grande impulso para que Portugal se torne o destino mais inclusivo do mundo. Esta é uma questão de cidadania e este é também um segmento muito importante no Turismo mundial. Ainda há muito a fazer. Quem perde esta carruagem perde o comboio”.

Já a secretária de Estado da Inclusão das Pessoas com Deficiência, Ana Sofia Antunes afirma que este prémio “é o reconhecimento de um trabalho sólido e estruturado que Portugal tem estado a realizar em matéria de promoção de mais e melhores acessibilidades para todos”. A propósito destaca ainda que “este Governo tem dado passos seguros no sentido de transformar Portugal num verdadeiro país inclusivo. É um caminho sem retorno, pois a isso nos obrigam todos aqueles para quem trabalhamos, sejam eles pessoas com deficiência ou condicionadas na sua mobilidade”.

O comunicado de imprensa enviado pelo Ministério da Economia recorda que “a afirmação de Portugal como país acessível tem sido uma das grandes prioridades deste Governo”. Lembra a propósito o lançamento, em 2016, do programa All for All, que teve em vista a capacitação da oferta turística nacional, a criação de roteiros acessíveis em todo o país, a divulgação da oferta acessível de Norte a Sul e a promoção de Portugal como destino inclusivo para todos.

Com o objectivo de apoiar projectos na área do turismo acessível foi lançada, no âmbito do Programa Valorizar, uma linha de financiamento específica que já apoiou 116 projectos, tendo sido ainda lançado o portal e a app “Tur4All”, que permite conhecer a oferta hoteleira, de restauração e cultura para pessoas com necessidades específicas de mobilidade em Portugal e Espanha.
“Praia acessível” e “Festivais + Acessíveis” foram outros programas lançados no âmbito da acessibilidade no turismo, uma área que passou também a estar incluída nos cursos das Escolas de Turismo.

Já fora da área específica do Turismo, refira-se o programa “Acesso +” que irá ser dotado de 15 milhões de euros para apoiar projectos de promoção das acessibilidades em cerca de 50 municípios.

De sublinhar que só na Europa existe mercado de 90 milhões de turistas com necessidades específicas de mobilidade.