SET reuniu-se com a Ryanair em Dublin

Em “cima da mesa” esteve a questão do anunciado encerramento da base aérea da Ryanair em Faro bem como a possibilidade de a low cost vir a operar para a Madeira. A secretária de Estado do Turismo, acompanhada do presidente do Turismo de Portugal, manteve também reuniões com operadores turísticos irlandeses.

Ana Mendes Godinho deslocou-se quarta-feira, 21 de Agosto, a Dublin onde esteve reunida com a Ryanair para debater “a competitividade” do aeroporto de Faro, nomeadamente com a manutenção da base, e o alargamento das operações da companhia aérea ao Funchal.

Em declarações à agência Lusa, a secretária de Estado do Turismo afirmou que o Governo está “a trabalhar para manter a competitividade do aeroporto de Faro, concretamente no Inverno, e combater a sazonalidade, trabalhando com todas as companhias aéreas e criando as condições para que os aeroportos de Faro e do Funchal tenham capacidade de facto de manter a competitividade aérea ou até reforçar”. No entanto, Ana Mendes Godinho não fez declarações sobre a possibilidade de manutenção da base da Ryanair no aeroporto de Faro e dos 100 postos de trabalho que estão em causa se esta for mesmo encerrada.

“Neste momento não tenho mais novidades que não sejam estas, de que estamos a avaliar a situação e com essa preocupação de manter ligações aéreas e aumentar as ligações aéreas para o Funchal e garantir a competitividade aérea de Faro no Inverno”, afirmou.

A secretária de Estado, que viajou para Dublin com o presidente do Turismo de Portugal, Luís Araújo, esteve também reunida com operadores turísticos e jornalistas irlandeses para promover Portugal.