TACV passa auditoria da IATA com observações

A transportadora aérea cabo-verdiana (TACV Cabo Verde Airlines) passou a vistoria da Associação Internacional dos Transportes Aéreos (IATA), mas tem até Outubro para cumprir alguns requisitos exigidos.

A Associação Internacional dos Transportes Aéreos (IATA) acabou de fazer uma vistoria aos aviões da TACV que analisou oito disciplinas, nomeadamente os serviços de manutenção, operações de voo e de terra, serviços de cabine e de carga, despacho de voo, organização de uma forma geral e serviços de segurança.

Nesta auditoria que é obrigatória de dois em dois anos para as companhias aéreas membros da IATA, a transportadora aérea cabo-verdiana recebeu apenas recomendações na disciplina de operações de voo, entre os quase mil parâmetros analisados.

A companhia aérea tem de cumprir com as observações feitas pelos auditores americanos até ao mês final do mês de Outubro, só depois poderá desencadear o processo de renovação do certificado da IATA.