TAP é primeira companhia aérea a operar o novo avião A330neo com versão de cabine Airspace

A TAP vai ser, a partir de 2017, a primeira companhia aérea a operar o novo avião A330neo equipado com a nova versão de cabine Airspace, ao abrigo de um acordo que acaba de assinar com a Airbus.

Com vista a renovar a sua frota, a TAP fez em 2015 uma grande encomenda de aviões à Airbus, incluindo 14 aeronaves A330-900neo. Assim, os passageiros da companhia vão poder usufruir, pela primeira vez, de uma nova experiência de viagem a bordo dos novos A330neo com o conceito Airspace da Airbus, já a partir do final de 2017.

“É com grande expectativa que tanto os nossos passageiros como os nossos tripulantes vão poder beneficiar de uma nova experiência de viagem proporcionada por este novo e inovador design de cabine de avião. Além do mais, a cabine Airspace  representa um novo conceito sobre o qual poderemos projetar a marca TAP”, afirmou Trey Urbahn, chief Commercial Officer da TAP.

“Desenvolvida a pensar nos passageiros e nas companhias aéreas, a Airspace abrange quatro pilares básicos: conforto, ambiente, serviço e design, garantindo assim que as cabines de avião da Airbus continuam a ser o benchmark do sector, tanto ao nível da experiência oferecida aos passageiros como do valor proporcionado às companhias aéreas”, disse François Caudron, vice-presidente sénior de Marketing da Airbus.

Na nova cabine Airspace da TAP destacam-se, entre outras novidades, a introdução de um novo espaço de acolhimento, um sistema de iluminação LED de última geração com uma infinita variação de cores, compartimentos de bagagem maiores, modernas casas de banho e sistemas de entretenimento a bordo IFE e conectividade da mais recente geração.

Actualmente, a TAP opera uma frota de 61 aviões de fabrico exclusivo Airbus – 43 aeronaves da família A320 e 18 wide-bodies. A partir de Junho a transportadora aérea portuguesa vai integrar na sua frota mais dois novos A330 para reforçar e expandir a sua operação no longo curso. A companhia encomendou também à Airbus aviões da última geração das famílias A320neo e A330neo.