Turismo de Portugal explica medidas de apoio ao sector

São várias as medidas de apoio ao sector lançadas pelo TP, entre elas a já anunciada Linha de Apoio à Tesouraria para Microempresas do Turismo, mas há mais, como o reforço de equipas de apoio às empresas e a suspensão de reembolsos.

Com uma dotação de 60 milhões de euros, esta Linha de Apoio dirige-se, segundo esclarece o Turismo de Portugal, a “empresas ou empresários em nome individual com menos de 10 postos de trabalho e cujo volume de negócios anual ou balanço total anual não exceda os 2 milhões de euros, com actividade em território nacional e certificação PME”.

“O apoio financeiro é calculado tendo em conta o número de trabalhadores existente na empresa em Fevereiro de 2020, multiplicado por 750€ por cada trabalhador e pelo período de três meses, até ao montante máximo de 20 mil euros por empresa. Este apoio não vence juros e é reembolsado no prazo de 3 anos, incluindo um período de carência de 12 meses”, explica ainda o Turismo de Portugal.

A Linha irá manter-se em vigor até que sejam alcançados os 60 milhões de euros e as candidaturas deverão ser submetidas através de formulário a disponibilizar no Portal Business do Turismo de Portugal “que ficará disponível já nos próximos dias”, anuncia o Instituto.

Entre as medidas anunciadas pelo Turismo de Portugal esta quarta-feira, 18 de Março, está o reforço das equipas de apoio às empresas, do serviço de consultoria online desenvolvido pelas Escolas do Turismo de Portugal. A iniciativa envolve 60 formadores, disponíveis para ajudar a identificar medidas individualizadas para cada área de negócio (marketing, CRM, operacional, financeiro, etc.).

As empresas poderão aceder a este programa nos portais do Turismo de Portugal “Business” www.business.turismodeportugal.pt e “Escolas” www.escolas.turismodeportugal.pt, preenchendo o formulário online Suporte Online | Empresas de Turismo ou através do endereço escolasonline@turismodeportugal.pt.

Outra medida com efeitos imediatos prende-se com a suspensão, por 12 meses, dos reembolsos no âmbito de projectos apoiados pelo Turismo de Portugal, com recurso a verbas próprias, no âmbito dos programas JESSICA, Linha de Apoio à Qualificação da Oferta (na parte do Turismo de Portugal) e Valorizar.